Objetos Sobrenaturais – Histórias Reais e Artefatos Sombrios [Resenha Literária]

Stacey Graham, autora desse livro, passou uma boa parte dos últimos vinte anos como caça-fantasmas. De uma forma leve, ela demonstra nesta obra suas experiências, relatando muitas histórias passadas de geração em geração, que em sua maioria trazem carga sobrenatural inexplicável pela ciência e pela lógica.
A obra traz, como o próprio nome sugere, muitas histórias envoltas de lugares e objetos considerados sobrenaturais.

O que cria um objeto sobrenatural? O que toma algo sem alma e faz com que carregue consigo a dor de um coração partido ou a violência de uma morte?

Bonecas, joias, hotéis, navios, casas… são alguns dos protagonistas deste livro.
Stacey montou um enredo que envolve o leitor. Ela conseguiu fazer algo como uma “aula para preparação de novos caça-fantasmas”, pois além dos relatos em si, ainda introduz para os relatos fantasmas, justificando em partes os motivos que levam um objeto ou local ser sombrio, e fecha com os principais protetores do além.

Somente quando relaxamos e permitimos que os sentidos baixem a guarda é que vemos as bordas turvas da realidade.

Particularmente, esperava um livro pesado, recheado de histórias que sugariam minha energia. E me surpreendi pegando um exemplar rico em contexto histórico, que aborda diversas lendas e crendices.

O respeito pelas crenças populares por parte da autora transpassa as páginas. Podemos sentir, e acredito que mesmo aquelas que duvidam, também sentirão a necessidade de respeitar tudo que é disposto na obra.
As histórias aqui colocadas variam muito no que diz respeito ao tempo e ao lugar que aconteceram. Temos as mais antigas, que perduram há séculos, e ainda as mais recentes, como o caso da boneca Annabelle.

Encontrar uma boneca antiga sem igual na venda de garagem é uma sensação incrível, até que você a leve para casa e ela lhe peça um copo d’água.

Eu, que sou apaixonada pelo sombrio e por lendas em geral, me deliciei com a leitura que é muito rica quando consideramos o aspecto histórico. Ficamos curiosos em pesquisar os locais dos fatos, em adentrarmos fundo nos parâmetros científicos lançados no ar pela autora e ainda ficamos instigados em conhecermos os locais citados no livro (muitos ainda abertos a visitação, como a Ilha das Bonecas, no México).
Mesmo que algumas histórias sejam pesadas, envolvendo assassinatos, suicídios e maldições, a leitura se torna leve porque a autora cria uma atmosfera leve. Ela faz alguns trocadilhos engraçados que nos arrancam risos discretos. 
O livro tem uma edição linda. Capa dura, folhas grossas e amarelas, com ilustrações gráficas perfeitas e ainda conta com algumas fotografias de arquivos pessoais.
Como se não bastasse, contém ainda citações de autores e personas afamadas no que diz respeito ao sobrenatural, como Stephen King, Ed e Lorrane Warren, dentre outros.
Estou apaixonada pelo meu exemplar e indico a leitura da obra para todos os apaixonados por história. Você vai constatar que o sobrenatural está mais próximo do que imagina.

Ainda que muitos vórtices e esferas possam ser explicados pela ciência, o que dizer da pequena porcentagem de fenômenos que não podem ser atribuídos ao brilho do sol ou à presença inesperada de insetos na foto? E se você sentisse que seu amado tenta se comunicar com você pela própria fotografia?

FICHA TÉCNICA
Título: Objetos Sobrenaturais – Histórias Reais e Artefatos Sombrios
Autora: Stacey Graham
Editora: DarkSide® Books
Nota: 5/5
Onde Comprar: Amazon
 

Bianca Gonçalves

11 thoughts on “Objetos Sobrenaturais – Histórias Reais e Artefatos Sombrios [Resenha Literária]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.