5 Piores Filmes de Heróis!

Os filmes de super-heróis têm conquistado um sucesso explosivo na cultura pop no século XXI, com grandes bilheterias ao redor do mundo e engajamento nas redes sociais junto aos fãs. Mas diante de uma quantidade exorbitante de produções sendo realizadas, nem todas conseguem voar tão alto. 

Muitos longas eram realizados sem muita supervisão para conquistar o público massivo, já outros deixam muito a desejar, seja por falta de coesão, um roteiro confuso, fraco polimento na pós-produção ou por simplesmente não conseguirem captar a cosmologia desses personagens que são tão amados durante décadas nos quadrinhos e outras mídias. 

Nesta lista dos 5 Piores Filmes de Heróis, vamos a uma jornada pelos erros que nem mesmo os superpoderes conseguiram salvar:

Madame Teia (2022)


Realizado pela Sony Pictures e dirigido por: S. J. Clarkson, o longa é baseado nos quadrinhos da Marvel Comics do Homem-Aranha, tendo a promessa de trazer uma personagem misteriosa e complexa para as telonas. No entanto, o filme acabou falhando em desenvolver sua narrativa que é uma verdadeira confusão, além de não entregar uma profundidade para sua protagonista, seu antagonista e suas coadjuvantes. 

Mesmo com um elenco talentoso, a produção não conseguiu decolar, tornando-se um esquecível capítulo no universo dos super-heróis, ainda conseguindo ser pior que outros filmes desse mesmo universo que é de Venom e Morbius. Se transformando em uma piada para os fãs e a crítica especializada, assim se tornando um símbolo de como não fazer um filme de super-heroína.

Elektra (2005)


Dirigido por Rob Bowman e distribuído pela 21th Century Fox; após sua introdução em Demolidor: O Homem Sem Medo, os fãs esperavam ansiosamente pelo filme solo de Elektra que havia sido anunciado, já que é uma personagem importante nos quadrinhos da Marvel Comics, principalmente pelas histórias feitas por Frank Miller. Entretanto, o resultado final foi decepcionante, já que havia se transformado em uma mistura de ação genérica mal coreografada, dentro de uma trama completamente previsível e acabando com o desenvolvimento das figuras presentes na história. 

O longa tinha tudo para ser um sucesso, especialmente por causa de sua protagonista ser estrelada por Jennifer Garner e por ser um spin-off do Demolidor de Ben Affleck. No entanto, a produção acabou se tornando uma experiência desagradável tanto aos espectadores quanto aos seus fãs.

Mulher-Gato (2004)


A vencedora do Oscar, Halle Berry, protagonizou um dos piores, se não a pior adaptação entre os filmes de super-heróis já feitos, deixando os fãs desapontados e os críticos desesperados. A atriz já havia vivido a Tempestade nos filmes dos X-Men da Fox, no início dos anos 2000, que foi considerado marcante para a introdução de fato dos heróis nos cinemas. Porém, ao incorporar a anti-heroína da DC Comics, a atriz teve um dos seus piores pesadelos. Feito pela Warner Bros e dirigido por Pitof; a personagem que saiu das histórias do Batman, ganhava um filme solo que provavelmente fez você perder o tempo ao assisti-lo, já a produção faltou com em diversos recursos para se fazer um bom longa e falhou em capturar a essência da icônica anti-heroína dos quadrinhos.

O filme não conseguiu estruturar e contar uma história da icônica personagem das HQs, com uma jornada confusa que mistura fantasia, ação e comédia de forma desconexa. Apesar do talento de Berry, que se esforça no papel, acaba não sendo o suficiente para salvar o fraco roteiro e as escolhas que transformaram o filme em motivo de piada no gênero. 

Quarteto Fantástico (2015)


A querida primeira família e equipe do universo Marvel, ganhou seu primeiro reboot nos cinemas pela Fox, que optou por colocar o diretor Josh Trank no comando da nova adaptação desses icônicos personagens. No entanto, muitas questões eram envolvidas na época, já que o direito de produzir conteúdo desses personagens poderiam retornar para a Marvel Studios, caso o estúdio não realizasse um projeto de Quarteto e X-Men, durante um determinado período de tempo estipulado. (Isso muito antes da Disney comprar a Fox)

Tendo em vista essa contextualização, a pressa por realizar um novo filme era grande e nisso alavancou ainda mais o fracasso do longa. Já que a produção em si, rompeu com características que fugiram bastante dos eixos fundamentalistas dos personagens, deixando tanto os fãs quanto os envolvidos na produção insatisfeitos. Com problemas no set de filmagens e interferências de estúdio contribuíram para um desastre criativo e financeiro.

A narrativa que mais parecia uma ficção científica desajeitada com uma linearidade narrativa fraca que não se sustentava com seus protagonistas e seu grotesco vilão. Sendo assim, mostrando a importância de equilibrar a inovação com a fidelidade para sair uma boa adaptação ou que ao menos faça uma parcela curtir os elementos apresentados.

Liga da Justiça (2017)


Provavelmente um dos filmes que mais ficaram marcados na história dos heróis nas telas e em Hollywood. Já que a Warner Bros. Pictures decidiu modificar o filme da sua maior equipe de heróis, com ele completamente finalizado pelo diretor Zack Snyder. O cineasta havia deixado a produção por causa da morte de sua filha, com essa “desculpa” o estúdio resolveu contratar o diretor Joss Whedon de ‘Os Vingadores (2012)’ para terminar o longa. No entanto, a Warner exigiu que o filme fosse totalmente destruído da sua forma inicial, regravando quase por inteiramente para deixar mais curto e com tom “mais leve”. 

Contudo, o lançamento de Liga da Justiça, foi um completo desastre, já que a narrativa era acelerada, seu desenvolvimento para os maiores heróis da DC Comics era tenebroso, com um vilão genérico, piadas constrangedoras e efeitos visuais bisonhos para uma empresa gigante com grandes investimentos. O que acabou irritando todos os DCnautas, críticos e o espectador médio. Além disso, houve fortes problemas criminais nos bastidores com o novo diretor e os novos comandantes com dublês e as próprias estrelas que tinham que defender a obra para vendê-la sempre de sorriso no rosto.

Todavia, com o passar dos anos o diretor Zack Snyder postava em suas redes sociais que havia um filme completamente diferente do que foi apresentado ao público e com isso surgiu o movimento #ReleaseTheSnyderCut por parte dos fãs que gostaria de justiça com a visão do cineasta para com os personagens que havia sido destruída pelo estúdio. Em 2021, com muito apoio em meio às redes sociais, dos próprios atores, atrizes, produção, campanhas sociais de arrecadação; a Liga da Justiça de Zack Snyder foi lançada e foi um sucesso mundial. Assim, deixando os fãs aliviados pela justiça sendo feita e um gosto amargo na boca dos executivos que permitiram as mudanças realizadas em 2017.

Em suma, há diversos outros filmes que podemos citar nessa lista que são desgostos para os fãs do gênero de super-heróis ou mesmo que dividiu o público que acaba odiando e amando uma obra. Entre eles: Lanterna Verde (2011), X-Men Origens: Wolverine (2011), Supergirl – O Filme (1984), Capitão América (1990), Morbius (2022), Batman & Robin (1997), Superman IV – Em Busca da Paz (1987), Aço (1997), Spawn: O Soldado do Inverno (1997), Venom 2 – Tempo de Carnificina (2021), As Tartarugas Ninja (2014), Blade: Trinity (2004), Esquadrão Suicida (2016), Shazam! Fúria dos Deuses (2023), O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro (2014), Batman v Superman: A Origem da Justiça (2016), Mulher Maravilha 1984 (2020), entre muitos outros.

Lucas Venancio @lucksre

One thought on “5 Piores Filmes de Heróis!

  • 25 de março de 2024 em 10:19
    Permalink

    Concordo com essa lista. Alguns dos filmes citados assisti e realmente eles deixaram muito a desejar e não entregaram o que tinha que entregar.

    Boa semana!

    O JOVEM JORNALISTA está no ar cheio de posts novos e novidades! Não deixe de conferir!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+ Saiba tudo sobre A Noite das Bruxas!
Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+ Saiba tudo sobre A Noite das Bruxas!