Saga do Assassino: O Assassino do Rei [Resenha]

Assim que finalizei a leitura de O Aprendiz de Assassino, comecei a leitura do segundo volume da trilogia. 

Em O Assassino do Rei, temos o jovem Fitz se recuperando de um ataque que sofreu. O protagonista passou anos treinando para ser espião e assassino do rei e na primeira missão ele descobre muita coisa sobre o reino. Mesmo tendo sucesso na missão, ele acaba sofrendo um ataque que o deixa em casa por vários dias.

O jovem é lembrado o tempo todo de que é o bastardo do príncipe Chivalry Farseer e que é um homem do rei, portanto ele terá que agir como tal. E por esses dois motivos, ele não desiste de tudo e mesmo com o corpo debilitado, volta para a Torre do Cervo.

Quando ele chega na torre, o jovem vê algumas mudanças que a nova princesa fez na torre. Revê pessoas que ele não queria reencontrar e acaba revendo também o seu agressor. Infelizmente, por causa de uma promessa, o protagonista não consegue se vingar e matar aquele que quase causou a sua morte.

No decorrer da leitura, fui vendo uma trama muito bem construída se desenrolando perante os meus olhos e a autora traz um aprofundamento melhor dos personagens, principalmente dos secundários.

No livro anterior, Fitz se mostra um pouco encantado por uma jovem que mora ao redor da torre, porém ele não seguiu em frente com os seus sentimentos pela Molly, por achar que ela não gosta dele. Nesse segundo livro, após alguns acontecimentos envolvendo a jovem, ela  vai parar na torre procurando pelo Fitz e descobre a verdadeira identidade dele. E com isso, mesmo sem ter apoio de Patience (que é a viúva de seu pai) e autorização do Rei para namorar, Fitz começa a ter um relacionamento com Molly. Sim, temos romance nesse segundo volume.


Outro ponto alto nesse segundo livro é quando Fitz encontra um filhote de lobo muito maltratado sendo vendido por um comerciante. Por ter a Manha, que é uma rara habilidade que o permite se comunicar com os animais, ele consegue se comunicar com o lobo e com isso, resolve comprá-lo e alimentá-lo para soltá-lo depois. Fitz faz isso tudo escondido de todos. Entretanto, no decorrer da história, o filhote vai crescendo e com isso, o laço entre os dois também. O protagonista terá que lidar com os sentimentos de seu novo companheiro e com as suas habilidades da Manha. Através do lobo e da sua habilidade, Fitz vai descobrindo um jeito de seguir as ordens do príncipe Verity

Falando nesse personagem, eu já tinha gostado do príncipe (tio de Fitz) no primeiro livro, mas nesse livro, eu adorei ele ainda mais. Verity é aquele tipo de personagem que apesar de sua posição dentro da realeza, ele consegue ser justo e querido. Além disso, é muito interessante ver no decorrer da leitura, o desenvolvimento do relacionamento entre o tio e o sobrinho. E como eles se unem para tentar manter os Salteadores à distância do reino.

Não só Verity teve um destaque nesse segundo volume, mas um certo personagem chamado de “O Bobo” ganha ainda mais destaque. Sendo bem sincera, ele e o Fitz são os meus personagens favoritos da saga até agora. O Bobo é aquele tipo de personagem que a princípio você não dá nada, mas quando menos espera, ele ganha um peso enorme dentro do enredo.

“Homem é aquele que julga poder governar a vida dos outros, mas não criar vínculos com eles…”

Além de personagens incríveis, a Robin Hobb mais uma vez foi certeira no desenvolvimento do universo criado por ela e com uma escrita fluída ela conseguiu me envolver! Li muitas páginas em um dia, mesmo com as minhas dificuldades com capítulos longos e enxaqueca.


Por ser uma fantasia que tem um desenvolvimento intenso tanto de seus personagens como no universo criado pela autora, mais a correria do dia a dia, demorei mais que o normal para finalizar a leitura. Mas nem por isso, não curti ler, muito pelo contrário, eu adorei cada página lida e colei diversos post-its nas folhas, para poder marcar os meus quotes favoritos.

Para finalizar, fica aqui os meus elogios para a Editora Suma, que mais uma vez fez uma capa que representa e muito a história da saga. E ao mesmo tempo faz uma homenagem ao melhor personagem desse segundo livro. Então, se você assim como eu, ama uma boa fantasia com conteúdo, corre para adquirir esses dois volumes e se apaixonar pelo reino dos seis ducados e seus personagens.

FICHA TÉCNICA

Título: O Assassino do Rei – Saga do Assassino # 2
Autor: Robin Hobb
Editora Suma / Companhia das Letras
Onde Comprar: Amazon

Ariane de Freitas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+ Saiba tudo sobre A Noite das Bruxas!
Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+ Saiba tudo sobre A Noite das Bruxas!