Do Fundo da Estante: Aconteceu Naquela Noite [Crítica]

Aconteceu Naquela Noite demorou pra chegar em vídeo por se tratar de um filme específico para colecionadores. Poucas locadoras se arriscaram a comprar uma cópia porque o público, ávido por novidades, não se interessaria por um filme da década de 30 – mal sabiam o que estavam perdendo.

Aconteceu naquela noite é perfeito, muito perfeito.

Existem poucos filmes perfeitos e Aconteceu Naquela Noite é um deles. Sério! Ao fim da projeção, me pergunto o que é que aconteceu com a Sétima Arte que em pleno 2023 ninguém é capaz de realizar uma comédia romântica que seja 1/3 do que esta obra-prima consegue ser. 

Primeiro filme a conseguir os 5 principais prêmios no Oscar (os outros foram Um Estranho no Ninho e O Silêncio dos Inocentes), este clássico insuperável conta a história da rica e mimada Ellie (Claudette Colbert, fantástica) que foge do iate do pai (Walter Connolly, ótimo) pois ele não aprova quem ela escolheu para se casar. Peter Warren (Clark Gable, extraordinário), um jornalista desempregado, conhece Ellie e decide ajudá-la a continuar se escondendo do pai enquanto vai ao encontro do noivo, apenas com o intuito de fazer a matéria exclusiva que pode levantar sua carreira.

 Nem preciso dizer que ao longo dessa jornada ambos irão se apaixonar. Claudette consegue criar um tipo adorável, apesar da personalidade forte – impossível não gostar de Ellie e rir com ela. Clark Gable está tão bem, que em seu primeiro take já conseguimos adivinhar quem é Peter e que sim, Ellie vai bater de frente com ele e depois vai conquistá-lo se deixando conquistar também. Somos envolvidos numa espiral de situações onde os sentimentos dos personagens vão brotando aos poucos, sem que o filme fique lento ou tedioso. Situações divertidas correm soltas e o elenco de apoio faz um trabalho igualmente excelente.

O que faz de Aconteceu Naquela Noite ser tão especial é que Ellie e Peter não mudam para agradar um ao outro, mas a química entre eles é real porque ambos são diferentes e assim permanecem para que o encanto seja duradouro. Se Ellie se tornasse a romântica boazinha e Peter o galanteador padrão, o resultado seria uma porcaria muito grande.

Não existe a menor possibilidade de encontrar um único erro na direção fabulosa do mestre Frank Capra, nas atuações ou no roteiro. Tudo se encaixa, se complementa e se transforma minuto a minuto, para no final aplaudirmos de pé. Muitos filmes da antiga Hollywood estão datados ou envelheceram mal, mas Aconteceu Naquela Noite parece ter sido rodado ontem, tamanho seu frescor.

FICHA TÉCNICA

Título: Aconteceu naquela noite 
Título Original:  It Happened One Night
Direção: Frank Capra
Data de lançamento: 1934 (EUA)

Italo Morelli Jr.

One thought on “Do Fundo da Estante: Aconteceu Naquela Noite [Crítica]

  • 6 de junho de 2023 em 08:58
    Permalink

    Ficou com vontade de assistir. Parece ser uma produção fabulosa. Gosto muito de ver filmes clássicos, de época. E esse parece ser incrível. Já assisti inúmeros em preto e branco e gostei bastante.

    Boa semana!

    O JOVEM JORNALISTA está no ar com muitos posts e novidades! Não deixe de conferir!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+ Saiba tudo sobre A Noite das Bruxas!
Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+ Saiba tudo sobre A Noite das Bruxas!