Mistério em Paris [Crítica do Filme]

Mais uma farofinha do Adam Sandler na Netflix! E não me entendam mal, eu adoro um filme leve e divertido, que é basicamente o conceito desses filmes! Mistério em Paris é uma sequência de Mistério no Mediterrâneo e até dá pra ver o segundo sem ver o primeiro, mas talvez o espectador acabe perdendo um pouco sobre a construção dos protagonistas.

Em Mistério em Paris temos o casal Nick (Adam Sandler) e Audrey (Jennifer Aniston) viajando para o casamento luxuoso do amigo chamado O Marajá! No entanto, no meio da festa um homem é morto e ele é sequestrado, o que leva o casal que ama uma investigação em busca de pistas para descobrir quem é o sequestrador. Facilmente as opções são reduzidas a um pequeno grupo em que um acusa o outro toda hora! Cada um tem um motivo para ter sequestrado o marajá e como Nick e Audrey não são exatamente especialistas, o experiente Miller (Mark Strong) é contratado para o caso. 

Nick continua não levando muito a sério os protocolos de uma investigação e segue seu instinto de policial, já  Audrey como sempre por vezes parece mais sensata que o marido! Confesso que Nick me irritou muito menos do que no primeiro filme, mostrando uma certa evolução no personagem, embora continue acreditando ser muito bom no que faz, mesmo sendo um desastre. Foi positivo também os diálogos entre o casal no meio da ação, algo bem clichê, mas que Adam Sandler e Jennifer Aniston fazem com primor, acertando muito bem o timing da comédia. Algumas cenas inesperadas acabam me surpreendendo, ainda que o grande vilão nem tanto. O roteiro consegue trabalhar com o inesperado em algumas sequências, o que me gerou divertimento!


Entre os coadjuvantes destaque para o inspetor Delacroix (Dany Boon), Susan de Jillian Bell que aparece do nada no filme e Francisco de Enrique Arce que em alguns momentos lembra seu personagem Arturito de La Casa de Papel, sendo mais canastrão do que asqueroso em relação à série. Aliás, feliz de ver o ator em outra produção na Netflix.

De modo geral, Mistério em Paris agrada por cumprir a sua proposta. É um filme bem curtinho, com zero pretensões, completamente no sense a ponto de ninguém se chocar com morte alguma, com algumas cenas de ação interessantes, mas com efeitos bem medianos, uma história bem bobinha, mas com um excelente elenco que entrega tudo com muita seriedade.

FICHA TÉCNICA

Título: Mistério em paris
Título Original: Murder Mystery 2
Direção: Jeremy Garelick
Data de lançamento: 31 de março de 2023
Netflix

Michele Lima

2 thoughts on “Mistério em Paris [Crítica do Filme]

  • 2 de abril de 2023 em 12:13
    Permalink

    Oi Mi! Quero ver esse e o anterior, é o tipo de filme que sempre me agrada e diverte. E gosto dos atores. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+ Saiba tudo sobre A Noite das Bruxas!
Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+ Saiba tudo sobre A Noite das Bruxas!