Bilhetes de Ódio [Resenha Literária]

Eu adoro Vi Keeland e Penelope Ward, dificilmente me decepcionam e com Bilhetes  de ódio foi o mesmo. O mais curioso é que comecei rindo e terminei bem emocionada com a história. 

Charlotte Darling acaba de cancelar seu casamento depois de ver seu noivo a traindo. E se não bastasse a situação humilhante, ela também está sem emprego. Desesperada, ela tenta vender o vestido de noiva, mas ao entrar na loja se depara com outro vestido. Diferente dos clássicos, o vestido tinha um bilhete de amor bem bonito que chama a atenção da protagonista. Charlotte não resiste e troca o seu vestido pelo o que encontrou e continua sem dinheiro.

Charlotte começa a buscar informações sobre o vestido e encontra o noivo nas redes sociais. Reed Eastwood vende propriedades chiques e a protagonista agenda uma visita com ele. A protagonista inventa um personagem tão doido que Reed percebe que Charlotte está mentindo e é bastante grosseiro com ela. Chorando no banheiro ela conhece uma senhora muito simpática, Iris, que dá um emprego de assistente para ela. Bem, Iris nada mais é do que a avó de Reed!

Trabalhar com Reed não é uma tarefa fácil para Charlotte, os dois brigam o tempo todo, mas são bem engraçados os diálogos dos dois. A protagonista tem uma personalidade forte e é também bastante impulsiva. A convivência forçada faz com que a tensão entre eles cresça bastante e os dois começam a ficar mais próximos, como amigos. Compartilham cada um uma lista de desejos iniciada por Charlotte, mas mais do que isso Reed passa a ter ciúmes da assistente. Porém, não é apenas um noivado fracassado que impede o protagonista de aceitar um relacionamento com Charlotte, ele guarda um segredo que surpreende bastante. Já Charlotte sofre com abandonos e está em busca de seus pais biológicos. 

Menos hot do que eu esperava, Bilhetes de Ódio começa como uma comédia romântica, com cenas bem engraçadas, passa por situações de drama e termina como um lindo romance. Sem pressa, as autoras trabalham bem os protagonistas e a relação entre eles, a atração pode ser instantânea, mas a amizade é construída aos poucos. 

FICHA TÉCNICA

Título: Bilhetes de Ódio
Autoras: Vi Keeland e Penelope Ward
Editora Charme
Onde Comprar: Amazon

Michele Lima

2 thoughts on “Bilhetes de Ódio [Resenha Literária]

  • 4 de abril de 2022 em 16:24
    Permalink

    Oi Mi! Estou lendo outro da dupla, E se fosse verdade?, e nossa, como eu estava com saudades da escrita delas. Depois já quero conferir este aqui. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.