Do Fundo da Estante: O Enigma do Outro Mundo

O enigma do outro mundo foi daquelas fitas muito concorridas na saudosa Solar Vídeo da Avenida Sapopemba. O ano? Não lembro ao certo. Talvez 1988…1989

A classificação indicativa era 18+, mas eu assisti mesmo assim e adorei sentir toda a tensão transmitida – experiência muito rara hoje

Nunca mais o cinema produziu uma obra-prima do horror que chegasse aos pés de O Enigma de Outro Mundo (1982), do diretor John Carpenter. Nem o remake de 2011 ou a versão western de Quentin Tarantino em Os Oito Odiados (2015), com o mesmo Kurt Russell como protagonista, conseguem fazem sombra a esse filme espetacular.

Lembro que foi um dos primeiros que assisti assim que o vídeo cassete chegou lá em casa em meados dos anos 80 e se tornou um dos meus filmes favoritos da vida.

O diretor Ridley Scott se apropriou de várias ideias na concepção de seu Alien (1979), enquanto John Carpenter que demorou anos na pré-produção e na pós-produção só pode lançar seu filme em 1982, mesmo ano de lançamento de Blade Runner, outro clássico de Ridley Scott.

A paranoia do isolamento do grupo em meio ao Ártico, a tensão constante (a cena do teste de sangue pra saber quem ali está contaminado pelo vírus alienígena é uma das mais angustiantes da história), as criaturas horrendas feitas artesanalmente e jamais superadas por nenhum efeito especial de última geração, tudo funciona. O diretor John Carpenter arquitetou cada frame nos mínimos detalhes no intuito de realizar uma obra que fosse apreciada pelas gerações futuras e conseguiu – jovens em pleno 2023 aficionados pelo gênero, são unânimes em dizer que o filme é excelente, grandioso e sem nenhum defeito.

O mundo gira, a tecnologia só avança e O Enigma de Outro Mundo segue intacto.

FICHA TÉCNICA

Título: O enigma do outro mundo
Título Original: The Thing
Direção: John Carpenter
Data de lançamento: 3 de fevereiro de 1983

Ítalo Morelli Jr.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+
Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+