Ficção Americana [Crítica do Filme]

Confesso que não dei muita bola para Ficção Americana (American Fiction) até o longa começar a ganhar alguns prêmios e receber indicação ao Oscar. O fato de não ter tido marketing no Brasil ajudou bastante também. Eu realmente não entendo o Prime Vídeo, muitas vezes os filmes parecem que ficam escondidos por lá. Mas enfim, assisti e gostei demais do longa que funciona como uma boa metalinguagem.

Thelonious Ellison (Jeffrey Wright), conhecido como Monk, é um professor e escritor rabugento, amargo e sem paciência para qualquer um. Seus livros não parecem mais interessantes para o público e na vida pessoal as coisas vão de mal a pior. Sua irmã, Lisa (Tracee Ellis Ross), morre e ele fica a cargo de cuidar da mãe que tem demência. Monk vive irritadíssimo como a sociedade enxerga os negros sempre com esteriótipos e mais ainda quando os próprios negros usam disso para ganhar dinheiro. No entanto, em uma ideia aparentemente absurda, Monk escreve um livro com tudo aquilo que ele critica e a obra se torna um sucesso. O protagonista não usa seu verdadeiro nome e cria um codinome fictício, dizendo que é um foragido da polícia, o que tornou o livro ainda mais interessante!

Não acreditando no sucesso de sua obra, ele realmente faz de tudo para que o livro não seja vendido, só que quanto mais ele “alopra”, mais interessante a obra fica para os outros. E com isso, o filme trabalha com um sarcasmo maravilhoso, momentos perspicazes e de muita sutileza que nos provoca riso! O pessoal da editora, os jurados que vão eleger o melhor livro do ano, todos parecem a professora do Chris de Todo mundo odeia o Chris! Com frases de que “vozes negras importam”, ignorando o que os negros dizem. E de tanto não querer parecer racista, acabam sendo absurdamente rasos e racistas, provando que Monk sempre teve razão. Aliás, o protagonista é um personagem maravilhoso, complexo, soberbo e prepotente, que consegue afastar todos em suas relações pessoais, principalmente seu irmão Cliff (Sterling K. Brown).


O longa é baseado na obra Erasure de Percival Everett e trabalha com a metalinguagem, ainda mais quando o livro de Monk ao fazer sucesso desperta interesse em Hollywood.

Ficção Americana é um filme inteligente, que se propõe a fazer perguntas e não necessariamente trazer as respostas, de uma perspicácia que faz falta hoje em dia! E indo além do tema racismo, o longa também ataca editoras e o mercado de consumo fast food, abordando de modo intenso um autor brigando com a sua própria arte. Mas é possível não sucumbir?

FICHA TÉCNICA

Título: Ficção Americana
Título Original: American Fiction
Direção: Cord Jefferson
Data de Lançamento: 8 de março de 2024 
Amazon Prime Video

Michele Lima

One thought on “Ficção Americana [Crítica do Filme]

  • 2 de abril de 2024 em 11:03
    Permalink

    Parece ser um filme inteligentíssimo e bem marcante.

    Boa semana!

    O JOVEM JORNALISTA está no ar cheio de posts novos e novidades! Não deixe de conferir!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+ Saiba tudo sobre A Noite das Bruxas!
Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+ Saiba tudo sobre A Noite das Bruxas!