Do Fundo da Estante: Mudança de Hábito

Difícil dizer se este Mudança de Hábito ou Ghost (1990) é o trabalho mais querido de Whoopi Goldberg. Pela sua inesquecível Oda Mae Brown, Whoopi foi a segunda atriz negra a ganhar um Oscar, sendo que a primeira, Hattie McDaniel foi em 1940…Um absurdo vergonhoso.

Whoopi deveria ter sido ao menos indicada por sua fantástica atuação como Deloris Van Cartier (Whoopi Goldberg) uma cantora da noite que acidentalmente testemunha um brutal assassinato cometido pelo seu namorado, o gângster Vince LaRocca, interpretado por Harvey Keitel.

Enquanto tentam capturar Vince, o detetive Eddie Souther (Bill Nunn), é encarregado de protegê-la. Deloris é colocada no programa de proteção às testemunhas e mandada para o lugar mais inusitado possível: um convento em São Francisco, onde, disfarçada de freira, usará o nome de irmã Mary Clarence. Mas seu jeito extrovertido, que não é aprovado pela Madre Superiora (Maggie Smith), e usando seus dotes de cantora, ela dará uma nova vida ao coral, chamando a atenção dos moradores locais, dos jovens que começam a frequentar a igreja, do Papa…e de Vince, que ainda quer silenciar Deloris. Com esse ponto de partida, parece até um filme dirigido por Martin Scorsese, mas o estilo do diretor Emile Ardolino (do já clássico Dirty Dancing, de 1987) é outro e brinca com a fusão dos gêneros máfia e musical/humor e dá protagonismo a uma atriz negra que era a maior da época.

O show aqui é todo de Whoopi, muito bem acompanhada da talentosa Kathy Najimy e da sempre excelente Maggie Smith. Entre situações impagáveis, um certo suspense policial e muita música, Mudança de Hábito entrega uma história leve e alto astral, sem os já batidos recursos do flashback e do plot twist. As piadas que na época já soavam ingênuas, ainda funcionam, porque o objetivo era um só: divertir. O sucesso de público e crítica foi tanto, que uma continuação, um pouco inferior, foi lançada no ano seguinte.

Sucesso nos cinemas, home vídeo e na tv aberta, Mudança de Hábito é celebrado até hoje.

FICHA TÉCNICA

Título: Mudança de Hábitp
Título Original: Sister Act
Direção: Emile Ardolino
Data de lançamento: 30 de outubro de 1992

Italo Morelli Jr.

2 thoughts on “Do Fundo da Estante: Mudança de Hábito

  • 16 de outubro de 2022 em 11:37
    Permalink

    Oi! Que saudades de filmes que eram assim, como você menciona, para divertir. Havia uma inocência nas piadas que sinto falta hoje, onde tudo sempre puxa mais para um lado malicioso. Um filme maravilhoso para ver e rever. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    Resposta
  • 19 de outubro de 2022 em 16:32
    Permalink

    Um filme memorável. Falei dele no blog recentemente.

    Boa semana!

    O JOVEM JORNALISTA está no ar com muitos posts interessantes. Não deixe de conferir!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+
Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+