A família Addams [Resenha do Filme]

Uma das famílias mais tradicionais não é muito normal, A família Addams do cartunista Charles Addams. Várias adaptações foram feitas, para a televisão, cinema e agora eles estão de volta em uma animação horrorosa de fofa.

O longa começa com a cena de casamento de Gomez e Mortícia, mas a cerimônia acaba com eles fugindo do povoado onde moram por serem peculiares. O ser humano sempre tem medo daquilo que desconhece e prefere atacar do que entender.

A família se separa e o casal no meio do caminho encontram não só o mordomo perfeito, como também a cada perfeita: um antigo manicômio assombrado. E é por lá que eles vivem em paz por treze anos e têm dois filhos: Wandinha e Feioso. No entanto, Margaux Needler é um mulher que reconstruiu todo uma cidade aos moldes daquilo que ela considera bonito (colorido, alegre e padronizado) e não vai aceitar a mansão dos Addams atrapalhando a vista.

Morticia de todos da família é que mais detesta a ideia de se misturar com os novos vizinhos, afinal, ela sabe que os humanos não os aceitam. Porém, Gomez é muito mais aberto a todos e Wandinha está numa fase rebelde, ela quer conhecer o mundo e dominá-lo também. Wandinha se torna amiga de Paker, filha de Margaux e mais por birra do que qualquer outra coisa, começa a se torna mais…colorida, para o desespero de sua mãe. Já Paker se torna mais gótica. A experiência de Wandinha na escola é simplesmente sensacional, difícil não rir da maneira como ela lida com o bullying. Inteligente, sarcástica, minha personagem preferida.

Feioso também tem seus próprios problemas, precisa fazer uma apresentação para toda a família, que vai se reencontrar tantos anos depois, e tem uma enorme dificuldade com esgrima, por mais que Gomez tente treinar seu filho com a ajuda do seu irmão Fester. Feioso é um garoto moderno, ele prefere explosivos.

A animação tem uma ótima dublagem em português e um elenco estrelar em inglês com Oscar Isaac, Charlize Theron, Snoop Dogg, Bette Midler, entre outros. O traço é por vezes caricato e exagerado, mas combina bem com cada personagem. E quem já assistiu a série, o desenho ou viu os filmes, pode se sentir bastante nostálgico.

A Família Addams é um filme bastante divertido, tudo que nos assusta seduz a família e essa relação amorosa com o macabro é inevitavelmente engraçada. Eles se amam, mas Wandinha não perde a oportunidade de enterrar o irmão vivo, Feioso quer explodir o próprio pai, eles não são normais, mas são adoráveis. E mais do que falar de uma família excêntrica, o filme sobre a importância de respeitar o próximo, mesmo que ele seja diferente de nós. Recomendo!

Trailer
FICHA TÉCNICA
Título: A família Addams
Título Original: The Addams Family
Direção: Greg Tiernan, Conrad Vernon
Data de lançamento: 31 de outubro de 2019
Nota: 5/5

*conferimos o filme na cabine de imprensa

Michele Lima

5 thoughts on “A família Addams [Resenha do Filme]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.