O livro do juízo final [Resenha Literária]

O livro do juízo final foi originalmente publicado em 1992 e recentemente lançado aqui no Brasil pela Editora Suma, numa edição lindíssima de capa dura. Ele foi belamente escrito pela autora estadunidense de ficção científica Connie Willis e ela é uma das mais prestigiadas e premiadas escritoras do gênero. E foi esse livro que a consagrou de vez, sendo o primeiro volume de uma série de livros envolvendo viagens no tempo por estudantes de história de Oxford.
Neste primeiro livro temos a viagem do tempo da historiadora Kivrin Engle pela idade média. A protagonista é uma estudante de história da faculdade de Oxford no ano de 2054 que se preparou fisicamente e emocionalmente durante dias para poder voltar no tempo, ela pretende fazer um estudo de campo sobre os costumes do povo no século XIV. Para fazer esse salto temporal, ela contará com a ajuda de muitos historiadores experientes, entre eles, Dunworthy, que irá ajudar Kivrin em tudo que ela precisar. 
Apesar de ajudá-la, Dunworthy não a apoia totalmente, pois para ele a idade média é uma época muito perigosa e acha que a Kivrin não está preparada o suficiente para sobreviver aos obstáculos oferecidos pelo século.
No entanto, com tudo certo, a personagem faz o seu salto temporal e a princípio parece ter corrido bem com a empreitada, e ela finalmente está nos anos 1300. O que Kivrin não sabe é que o técnico responsável pelo seu salto temporal, de volta para 2054, acaba passando mal misteriosamente. Aliás, Kivrin também chega na idade média passando mal e vai parar na casa de uma família, sem saber se estar no ano certo. 
O enredo do livro é narrado pelos dois personagens: Kivrin e Dunworthy. De um lado temos Kivrin narrando todos os acontecimentos de sua viagem, do outro lado tem Dunworthy, que tenta a todo custo trazer de volta a colega de trabalho. E através dessas duas narrações, o livro traz um suspense bem legal para a trama em uma história envolvente onde podemos sentir a angústia dos personagens.
Nunca tinha lido nada da autora e posso dizer depois da minha leitura que Connie Willis é sensacional! Por meio de sua escrita pude não só imaginar o mundo que ela criou como visualizar os cenários juntamente com os personagens. Além disso, ela soube muito bem construir os seus protagonistas. Kivrin e Dunworthy são maravilhosos, mas o personagem Colin, que é apenas um garoto, acaba roubando a cena. Ele sem dúvidas é o meu personagem favorito. 
O livro do juízo final é aquele tipo de obra que inicialmente pode não nos chamar atenção, mas posso garantir que é um primor da literatura de ficção. Quando comecei a ler pude entender o motivo da autora ter demorado cinco anos para escrevê-lo e o que levou a obra ter sido vencedora dos prêmios Hugo, Nebula e Locus, o que já é uma boa indicação do quanto a história é maravilhosa! Para quem gosta do gênero ficção científica com um toque de fantasia, super recomendo. 
Para finalizar, deixo dois apelos, primeiro: se você não leu esse livro, dê uma chance e leia. Garanto que não irá se arrepender; segundo: Editora Suma, por favor, lance o mais rápido possível o segundo volume da série.
Quem quiser saber mais sobre as publicações da série, a autora disponibiliza um guia em seu site CLIQUE AQUI

FICHA TÉCNICA
Título: O livro do juízo final – Oxford Time Travel # 1
Autora: Connie Willis
Onde Comprar: Amazon
 

Ariane de Freitas

8 thoughts on “O livro do juízo final [Resenha Literária]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dorama: Uma Família Inusitada Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino
Dorama: Uma Família Inusitada Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino