O conde enfeitiçado [Resenha Literária]


O conde enfeitiçado é o sexto livro da série Os Bridgertons da autora Julia Quinn! E vale lembrar que autora esteve no Brasil, em várias cidades, autografando o livro! Uma verdadeira simpatia!
Uma pena, mas a série está terminando, só nos resta mais três! Nem acabou, mas já sinto saudades dessa família gigante e unida! Engraçado que Francesca era até agora a personagem mais afastada dos irmãos, uma vez que se casou e foi morar em outro país! Por isso, a protagonista deste livro era apenas citada em outros e pouco sabíamos a respeito dela. Óbvio que Francesca tem todas as características de um Bridgerton, mas me pareceu mais séria e compenetrada do que os outros. Talvez por ter se casado cedo ou porque passou por um momento muito difícil ao se tornar viúva e perder o filho. Como todos os irmãos, a protagonista não se casou meramente por dinheiro e sim por amor e é evidente que Francesca amava o marido o que só complica ainda mais a situação para Michael, primo do falecido marido de Francesca.

Michael se apaixonou pela protagonista na primeira vez que a encontrou, mas seu primo já estava na fila, chegou antes e se casou com a moça. A partir de então, Michael vive um verdadeiro inferno ao esconder seus sentimentos, afinal, seu primo era praticamente seu irmão. E o inferno de Michael só fica pior com a morte do conde, já que pela linha se sucessão ele é obrigado a ficar com o título e tudo que pertencia a ele. Michael se sente traindo o primo o tempo todo, ocupando o lugar dele e por isso continua reprimindo os sentimentos por Francesca e passa 4 anos na Índia. Quando volta, Francesca decide se casar já que quer ficar grávida.

Ao mesmo tempo em que é engraçado ver a luta interna de Michael, é triste ver que ele fica estagnado na sua vida amorosa, sem conseguir esquecer o seu grande amor. Colin, sempre o Colin, percebe claramente que o novo conde ama a irmã e até o aconselha a seguir enfrente com esse amor, mas o sentimento de culpa assola Michael. Por outro lado, Francesca começa a ter ciúmes do primo do marido e se preocupar cada vez mais com ele. Como Francesca mora na casa do conde na Inglaterra, apesar de passar boa parte do tempo com a mãe, a convivência dos dois acaba rendendo momentos divertidos, principalmente quando Francesca começa a receber seus pretendentes. E como sempre, Julia Quinn consegue se sobressair com diálogos ácidos e engraçados. Uma mera tarde tomando chá com Violet e as irmãs Bridgertons rende páginas e paginas de situações divertidíssimas.

De todos da série, sem sombra de dúvidas, O conde Enfeitiçado é o mais dramático e mais denso por dar espaço aos sentimentos dos protagonistas acima de qualquer coisa. Por isso, ao contrário dos outros livros, neste não temos uma narrativa rápida, o que não é ruim, só é diferente e isso pode pegar alguns leitores de surpresa.

Recheado de cenas agradáveis e um bom romance, O Conde Enfeitiçado até o momento é livro mais completo de Julia Quinn do ponto de vista literário.

FICHA TÉCNICA
Título: O conde enfeitiçado – Os Bridgertons # 6
Autora: Julia Quinn
Onde Comprar: Amazon
Michele Lima

10 thoughts on “O conde enfeitiçado [Resenha Literária]

  • 9 de dezembro de 2015 em 11:09
    Permalink

    Olá!

    Super bem escrita sua resenha! Porém, por não curtir romances de época, não o leria. Se a série se passasse nos dias de hoje, o leria sem problemas.

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    Resposta
  • 9 de dezembro de 2015 em 13:06
    Permalink

    Olá, tudo bem?
    Confesso que não gosto muito de livros do gênero. Contudo, por esse ser mais denso e dramático, talvez de uma chance. Prefiro os livros com maior profundidade.

    Desbrava(dores) de livros – Participe do top comentarista de dezembro. Serão dois vencedores!

    Resposta
  • 9 de dezembro de 2015 em 16:58
    Permalink

    a família Bridgerton em si já é uma graça e com a chegada desta história só tendeu a ficar ainda mais graciosa, não quero nem pensar quando chegar o último livro, adoro as confusões, risadas e trapalhadas que acompanham cada personagem
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    Resposta
  • 9 de dezembro de 2015 em 21:25
    Permalink

    Oie! E eu achando que os três primeiros que li eram bons. Pelo visto a Julia Quinn se superou!
    Preciso tirar o atraso rsrsrs

    Beijos

    Meu Meio Devaneio

    Resposta
  • 10 de dezembro de 2015 em 14:01
    Permalink

    Oi, Michele!
    Eu não sou muito de ler romances de época, mas todos me indicam para ser essa série da Julia e a dos Canalhas.
    Tomei um susto aqui ao ver que são NOVE LIVROS. Tenho de arranjar tempo… Quem sabe no próximo ano…
    Beijos
    Balaio de Babados | Participe da promoção Natal do Babado

    Resposta
  • 10 de dezembro de 2015 em 23:20
    Permalink

    Oi Mi! Eu sou apaixonada por romances de época e esta série é uma das minahs favoritas. Eu gostei desta história, mas foi a primeira vez que um Bridgerton não me agradou muito.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    Resposta
  • 11 de dezembro de 2015 em 19:16
    Permalink

    Olá, Michele.
    Eu só li até o segundo livro da série e já amo essa família. Tenho até o quinto livro e assim que der eu vou ler todos. Até o livro que eu li, a personagem é pouco citada, por isso nem lembro dela quase. Gostei de saber que esse é o mais completo da autora.

    Blog Prefácio

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+
Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+