Matador de Aluguel [Crítica do Filme]

Matador de aluguel é um remake do filme dos anos 80 que contava Patrick Swayze e devo dizer que a produção acerta em deixar a vibe oitocentista e ao mesmo tempo mais moderna.

O que não muda é a premissa, Danton (agora Jake Gyllenhaal) é um ex-lutador de MMA que é contratado para ser segurança de um bar em um cidade litorânea, que por algum motivo está sendo visitado constantemente por bandidos. Também não sabemos o que atormenta o protagonista, apenas que é algo relacionado ao seu passado profissional. Na verdade, muitos personagens nessa história guardam algum segredo.

Se por algum momento o filme original conseguiu convencer o público de uma trama mais séria, aqui é bem diferente. O sorrisinho de Jake Gyllenhaal não me fez acreditar muito no personagem durão e sim num protagonista bonzinho, boa pinta, o que justifica suas atitudes ao longo do filme. Já que ao se envolver com criminosos locais, Dalton acaba ficando para proteger outras pessoas, mesmo em conflito consigo mesmo.

O diretor mesclou bem as lutas com momentos de humor, embora não se utilize muito de piadinhas em momentos cruciais, o que a meu ver foi positivo. O filme passa uma vibe bem ao estilo da nossa “sessão da tarde” e a produção abraça claramente o tom menos sereno, mesmo com fortes lutas do início ao fim.


Jake Gyllenhaal parece bem confortável no papel que realmente não exige tanto dele, já o lutador de MMA Conor McGregor visivelmente se esforça, mas nos entrega um vilão bastante fraco, parte disso por culpa do roteiro. 

Enfim, Matador de aluguel não é nenhum primor e não consegue ir muito além do original,  mas entrega um bom entretenimento que se encaixa perfeitamente em filmes de streaming.

FICHA TÉCNICA

Título: Matador de aluguel 
Título Original: Road House
Direção: Doug Liman
Data de lançamento: 21 de março de 2024
Prime Video

Michele Lima

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+
Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+