O Rei da Terra do Nunca [Resenha Literária]

Sabe aquele livro que te atrai tanto pela capa quanto pela sinopse? É o caso de O Rei da Terra do Nunca da autora Nikki St. Crowe que me chamou atenção desde a divulgação da editora. E por esse fato e pelas dezenas de posts falando mil maravilhas dele, resolvi encarar a leitura.

O livro começa com o ponto de vista da Winnie Darling, uma jovem que está completando dezoito anos e é justamente por esse motivo que a mãe dela tenta protegê-la do seu destino.

Por dois séculos todas as mulheres da família Darling desapareciam quando completam dezoito anos. Às vezes ficavam longe por um dia, uma semana ou até um mês, mas sempre retornavam destruídas. E não foi diferente com a mãe de Winnie que voltou com a mente destruída. E muitos, até a Winnie, acha que a mãe é totalmente louca e que tudo que ela diz não passa de delírios.

Na noite que Winnie faz dezoito anos, ela fica surpresa quando o Rei da Terra do Nunca chega para buscá-la. Assim, a protagonista realmente passa acreditar sobre a verdadeira história de Peter Pan, Wendy e os Garotos Perdidos. Também descobre que possui algo que o Peter Pan quer muito e a informação para achar isso está em sua linhagem. Além disso, Winnie pode ficar totalmente destruída.

“Mas sempre retornam destruídas, com graus variados de sanidade. Não quero ficar louca. Gosto de quem sou, pelo menos a maior parte.”

A história tem diversos pontos de vista e com isso vamos descobrindo melhor o que aconteceu com o Peter Pan. Sem dúvida um personagem sombrio da história, mas que só quer recuperar o que foi roubado dele. Porém, suas interações iniciais com Winnie acabam sendo bem abusivas. Ele é totalmente grosso com ela, a trata como se fosse sua inimiga. No entanto, seu modo vai mudando ao decorrer das páginas porque Winnie mostra a sua real personalidade, bem diferente das outras Darling de sua família.

Além do Peter, temos muitos outros personagens secundários interessantes. Tem os irmãos Bash e Kash que são os mais legais, apesar de ter personalidades fortíssimas e um passado sombrio. Além deles, temos o Vane, que é o personagem super misterioso e de todos é o mais cruel com a protagonista, mas me surpreendeu na reta final do livro! E adorei a protagonista Winnie!

” – Foi Vane quem te machucou assim? – Não é da minha conta, mas preciso saber.
Ela morde o lábio inferior, depois rir, nervosa.
– Faz parte.
– Parte do quê?
– Vane tem uma sombra também. De outra ilha. – Advinho o que ela vai falar a seguir: – E a sombra dele é da morte.”

Em suma, O Rei da Terra do Nunca é uma releitura sombria, perversa e sexy da história de Peter Pan, Wendy e os Garotos Perdidos. Livro para maiores de 18 anos. Digo isso porque se trata de um Romance Dark com relacionamentos super calientes e conturbados. Além de ser super viciante e me deixou querendo ler o segundo volume, imediatamente. E se você, assim como eu, gosta de livros assim, eu super indico a leitura!

FICHA TÉCNICA

Título: O Rei da Terra do Nunca
Autora: Nikki St. Crowe
Editora Universo dos Livros

Ariane de Freitas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+ Saiba tudo sobre A Noite das Bruxas!
Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+ Saiba tudo sobre A Noite das Bruxas!