Em Uma Terra muito Distante…Havia um Crime [Crítica]

Eu adoro releitura de contos de fadas e há muito tempo eu marquei Em uma terra muito distante…Havia um Crime como um filme que eu queria assistir, estava só esperando o lançamento da Netflix!

Nessa história um tanto maluquinha, vamos acompanhar a perspicaz Chapeuzinho Vermelho (Kanna Hashimoto) tentando desvendar um crime no melhor estilo Sherlock Holmes. Em sua curiosa viagem ela primeiro se depara com uma bruxa chamada Bárbara (Midoriko Kimura), que nem é tão bruxa, e depois com Cinderela (Yûko Araki). A coitada sofre na mão da madrasta e suas filhas e quer desesperadamente ir ao baile que o rei dará para que o príncipe (Takanori Iwata) escolha sua noiva. Cinderela conta com a ajuda de Chapeuzinho, da tal bruxa e da prima dela, Srta. Tekla (Mirei Kiritani) para conseguir um vestido e um sapatinho de cristal. No entanto, no meio do caminho, o cabeleireiro do reino aparece morto e ninguém sabe quem o matou…

O longa mistura os contos de fadas em uma comédia por vezes a modo besteirol. As piadas são bem bobas, mas a produção se preocupa com o visual, com os efeitos e os atores mostram claramente seriedade na atuação, o que me chama bastante atenção. Kanna Hashimoto como Chapeuzinho é de fato uma boa protagonista, aquela que realmente consegue carregar a história, esbanjando carisma.

Não esperava muito de Em uma terra muito distante…Havia um crime e quando se começa a assistir se percebe logo que o tom da comédia vai tender para o pastelão, o que também muitas vezes não me incomoda em nada. Embora os exageros tornem o filme um tanto cansativo. Ainda assim, estava relevando absolutamente tudo até chegar a reta final e ter a explicação do assassinato. E nem foi porque o assassino não me surpreendeu, mas os motivos, as explicações, todas completamente sem sentido.

O longa pelo elenco e produção tinha um bom potencial, até pela mensagem crítica sobre se importar com a beleza exterior. Infelizmente, o roteiro estragou minha experiência, começa bom, interessante, mas se perde no meio caminho e o final foi desastroso e sem nexo. Uma pena.

FICHA TÉCNICA

Título: Em uma terra muito distante…Havia um Crime
Título Original: Akazukin, tabi no tochu de shitai to deau
Direção:  Yuichi Fukuda
Data de lançamento: 14 de setembro de 2023
Netflix

Michele Lima

One thought on “Em Uma Terra muito Distante…Havia um Crime [Crítica]

  • 25 de setembro de 2023 em 14:42
    Permalink

    Esse filme eu passo. Não me interessei muito. Obrigado por sua resenha.

    Boa semana!

    O JOVEM JORNALISTA está no ar cheio de posts novos e novidades! Não deixe de conferir!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+
Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+