Depois do Universo [Crítica do Filme]

Depois do Universo é um romance com drama estrelando Giulia Be e Henry Zaga, um casal com muita química!

Nina (Giulia Be) é uma pianista que descobriu muito jovem que tem lúpus, uma doença autoimune que acaba atacando seus rins. Por conta disso, ela precisa fazer hemodiálise e ficar na fila de espera por um transplante. Apesar de ser bem durona, a protagonista sente que seus sonhos ficam cada vez mais difíceis, ela atrasa constantemente para dar aulas e não tem um piano para treinar depois que decide concorrer a pianista na Orquestra Sinfônica. 

Um dia ela esbarra com Gabriel (Henry Zaga) na estação de trem e depois descobre que ele é médico residente no hospital em que ela se trata. O Dr. Gabriel é adorado pelos pacientes e é sempre bem otimista. Os dois acabam se envolvendo, apesar de ser contra as regras do hospital.

Eu confesso que quando vi o título e soube que Giulia Be seria uma protagonista doença, me lembrei de A culpa é das estrelas, mas o longa trilha seus próprio caminho. É triste e interessante ver as etapas da Nina no processo da espera do transplante e como Gabriel consegue fazê-la se sentir mais animada, bem como Nina muda a vida do residente completamente. É preciso ressaltar também os coadjuvantes dessa história, o pai de Gabriel (João Miguel) que é uma figura difícil e Yuri (Leo Bahia), o companheiro de casa de Gabriel e também residente do Hospital. Dei boas risadas com esse personagem.

Depois do Universo Netflix

A duração mais longa do filme me surpreendeu um pouco, poderia ter sido mais curta, mas o que realmente me incomodou foi o roteiro que deixa na parte final um excessivo drama. O final poderia ter sido diferente sem alterar a jornada do filme que é muito boa!

Giulia Be está muito bem atuando e a química dela com Henry Zaga faz com que seja aceitável a duração do longa, já que enchem a tela com um ótimo romance! E quem gosta de filmes do gênero vai suspirar com Depois do Universo.  

FICHA TÉCNICA

Título: Depois do Universo
Direção: Diego Freitas
Data de lançamento 27 de outubro de 2022
Netflix

Michele Lima

2 thoughts on “Depois do Universo [Crítica do Filme]

  • 30 de outubro de 2022 em 11:53
    Permalink

    Oi Mi! Faz tempo que não vejo nada assim e gostei da premissa da história. Melhor ainda ter nas telas um casal com química. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    Resposta
  • 4 de novembro de 2022 em 13:35
    Permalink

    Quero muito assistir. Tudo leva a crer que é um clichê, mas tudo pode mudar com o decorrer do tempo.

    Boa semana!

    O JOVEM JORNALISTA está no ar com muitos posts interessantes. Não deixe de conferir!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+
Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+