Megatubarão [Resenha do Filme]

Spielberg nos fez amar filmes com tubarões e ter Jason Statham como protagonista já me deixou bem animada para essa tragédia em alto mar e o longa não me decepcionou. Com muita cenas de ação e um pouco de suspense, Megatubarão, baseado nos livros de Steve Alten, nos traz todos os elementos de um filme do gênero e ainda com algumas surpresas no roteiro.
O longa começa com Morris (Rainn Wilson) visitando seu atual investimento, uma estação no mar que pesquisa o fundo do oceano, o lugar mais profundo da Terra. Conseguindo passar por uma camada gélida, uma tripulação com seu submarino descobre um mundo desconhecido, mas são atacados por uma espécie misteriosa. Suyin (Bingbing Li) é filha do Zhang (Winston Chao), quem comanda a estação, e vai tentar salvar os três funcionários, juntamente com Jonas (Statham), que no passado já comandou uma missão de resgate que culminou na morte de alguns de seus amigos.

Salvar a tripulação que está no fundo do oceano é só o começo para uma série de acontecimentos que envolve um enorme tubarão pré-histórico capaz de cortar navios ao meio! O grupo tenta de todas as formas deter a criatura que escapa do lugar em que estava e agora é uma grande ameaça no mar. 
O roteiro consegue trabalhar os clichês do gênero, com cenas que nos dão sustos, com uma boa dose de drama no fundo do mar, com bastante tensão e ainda tem um leve romance entre Jonas e Suyin. Meing (Shuya Sophia Cai), filha da protagonista, consegue roubar a cena várias vezes com toda sua fofura. O elenco, que conta também com Ruby Rose, Page Kennedy e Robert Taylor, trabalha bem, embora o filme não exija muito.

Em vários momentos o grupo entra em perigo tentando conter a criatura assassina e embora às vezes previsível, em alguns momentos os plots surpreendem. Na parte técnica, às vezes Meg parece ser um tubarão enorme, outras vezes nem tanto, mas o fundo do oceano é um ótimo cenário.
Megatubarão não tem muitas camadas profundas e não é um tipo de filme que a gente espera mesmo profundidade. Entretanto, apresenta um bom roteiro, sem grandes exageros na parte da ação. Tem sangue, mas não é super sanguinário, tem tensão, mas nada exagerada, o alívio cômico está na medida certa, e acaba convencendo sobre o drama apresentado, com protagonistas com carismas. Espero até uma continuação!

Sala 4DX
A convite da Warner Bros assistimos ao filme na sala 4DX, no Shopping JK no Cinépolis em São Paulo, e foi uma boa diversão. É o tipo de experiência que a pessoa precisa estar no clima porque a cadeira vibra e mexe o tempo todo, me senti inclusive como uma peoa em cima de um touro! E também teve luzes que pareciam relâmpagos, senti vento, a cadeira cutucando nas costas e levei vários jatos de água na cara. Tudo muito bem sincronizado com o filme, só faltou sentir a mordida do tubarão!
Trailer:
FICHA TÉCNICA
Título: Megatubarão
Título Original: The Meg
Diretor: Jon Turteltaub
Data do Lançamento: 9 de agosto de 2018
Nota:4/5

*conferimos o filme na cabine de imprensa
Michele Lima

9 thoughts on “Megatubarão [Resenha do Filme]

  • 9 de agosto de 2018 em 14:23
    Permalink

    Oiii Mi

    Só of ato de não ser mega exagerado em ação ou sangue e em ter um roteiro bom já me anima bastante. Spielberg sempre soube como conduzir um bom filmee pelo visto segue sem desapontar. Tb gosto do trabalho do Jason Statham, contido, profissional e carismático. Acho que com certeza adoraria assistir esse filme.

    Beijos

    http://www.derepentenoultimolivro.com

    Resposta
  • 9 de agosto de 2018 em 17:05
    Permalink

    Vi o trailer desse filme esses dias, e por gostar muito dos filmes do Jason Statham quis assistir. Achei a história bem inspirada naquele acontecimento em que uma criatura misteriosa destruiu um barco e matou os pesquisadores que estavam nele.

    http://www.kailagarcia.com

    Resposta
  • 9 de agosto de 2018 em 17:08
    Permalink

    Oi, Mi!

    Eu quero muiiiito ver esse filme. tenho um pavor de mar aberto que quase morro, mas já vi vários filmes de tubarão porque sou fascinada pela temática, não importa quão ruim ele seja, eu vou assistir 😛 Então estou BEM curiosa com Megatubarão!

    bjs
    Queria Estar Lendo

    Resposta
  • 9 de agosto de 2018 em 17:33
    Permalink

    Oi, Mi!
    Tudo bem?
    Nem tinha ouvido falar desse filme.
    Eu achei bacana, mas talvez não para ver no cinema, sabe?
    Vou esperar para ver em casa mesmo.
    Eu gosto do Jason Statham. Faz filmes para curtir e desanuviar a mente, sem precisar pensar muito (eu ia dizer que era para relaxar, mas acho que com um tubarãozão desse não é bem relaxar, né?).

    Beijoooos

    http://www.casosacasoselivros.com

    Resposta
  • 9 de agosto de 2018 em 19:02
    Permalink

    Oi, Mi! Tudo bem?

    Não é o tipo de filme que eu assisto, mas saber que não é muito exagerado e que não tenta entregar uma profundidade que não tem, achei interessante.
    Gostei da escolha de elenco, isto com certeza é bom.
    Vou tentar assisti-lo.

    Beijos,
    Magia é Sonhar
    Conheça o nosso Canal

    Resposta
  • 11 de agosto de 2018 em 16:31
    Permalink

    Oi Mi!! Hahaha. Imagino como foi emocionante assistir com tantos efeitos!!!

    Eu adoro tubarão desde sempre!! Com certeza irei no cinema!! Muito mais emocionante né!! Adorei a resenha e principalmente saber que Jason está nesse longa a vontade só aumentou!!

    Beijinhos!!!

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+
Crítica: A Esposa do meu marido Dorama: Diva à Deriva Dorama: Nosso Destino 5 doramas dublados no Star+